Terceiro Ano do Ensino Médio
Terceiro Ano do Ensino Médio

 

Biologia

Atenção!

Aqui estão listadas as atividades que alguns alunos precisam realizar para a recuperação de notas:

 

Aluna: Élen

 

OBS: Realizar uma pesquisa sobre as teorias da Evolução e, em seguida produzir um texto se posicionando criticamente sobre as teorias, ou seja, a sua opinião é importante nesse processo.

 

Aluno: Emerson

 

OBS: Pesquisar sobre as considerações de Darwin, sobre o evolucionismo e, em seguida produzir um texto coerente, explicando as ideias do cientista.

 

 

Aluno: Elvis

 

OBS: Pesquisar sobre as teorias de Lamarck, sobre a evolução dos seres vivos e, em seguida fazer uma síntese sobre a pesquisa feita.

 

 

Os trabalhos deverão ser entregues amanhã a tarde!


Ednayran



 

 

 

 

BIOLOGIA

 

1-(UNIFESP/2004) Leia os trechos seguintes, extraídos de um texto sobre a cor de pele humana.

“A pele de povos que habitaram certas áreas durante milênios adaptou-se para permitir a produção de vitamina D.”

“À medida que os seres humanos começaram a se movimentar pelo Velho Mundo há cerca de 100 mil anos, sua pele foi se adaptando às condições ambientais das diferentes regiões. A cor da pele das populações nativas da África foi a que teve mais tempo para se adaptar porque os primeiros seres humanos surgiram ali.”                                           (Scientific American Brasil, vol.6, novembro de 2002).

Nesses dois trechos, encontram-se subjacentes ideias:

a) da Teoria Sintética da Evolução.

b) darwinistas.

c) neodarwinistas.

d) lamarckistas.

e) sobre especiação.


2-(UFES/2004) Os pesquisadores Robert Simmons  e Lue Scheepers questionaram a visão tradicional de como a girafa desenvolveu o pescoço comprido. Observações feitas na África demonstraram que as girafas que atingem alturas de 4 a 5 metros, geralmente se alimentam de folhas a 3 metros do solo. O pescoço comprido é usado como uma arma nos combates corpo a corpo pelos machos na disputa por fêmeas. As fêmeas também preferem acasalar com machos de pescoço grande. Esses pesquisadores argumentam que o pescoço da girafa ficou grande devido à seleção sexual; machos com pescoços mais  compridos deixavam mais descendentes do que machos com pescoços mais curtos.

(Simmons and Scheepers, 1996. American Naturalist Vol. 148: pp. 771-786. Adaptado).

Sobre a visão tradicional de como a girafa desenvolve um pescoço comprido, é CORRETO afirmar que:

a) na visão tradicional baseada em Darwin, a girafa adquire o pescoço comprido pela lei de uso e desuso. As girafas que esticam seus pescoços geram uma prole que já nasce com pescoço mais comprido e, cumulativamente, através das gerações, o pescoço, em média, aumenta de tamanho.


 

b) na visão tradicional baseada em Lamarck, a girafa adquire o pescoço comprido com a sobrevivência diferencial de girafas. Aquelas com pescoço comprido conseguem se alimentar de folhas inacessíveis às outras e deixam, portanto, mais descendentes.

c) na visão tradicional baseada em Lamarck, a girafa adquire o pescoço comprido pela lei do uso e desuso. Aquelas com pescoço comprido conseguem se alimentar de folhas inacessíveis às outras, e deixam, portanto, mais descendentes.

d) na visão tradicional baseada em Darwin, a girafa adquire o pescoço comprido com a sobrevivência diferencial de girafas. Aquelas com pescoço comprido conseguem se alimentar de folhas inacessíveis às outras, e deixam, portanto, mais descendentes.

e) na visão tradicional baseada em Darwin, a girafa adquire o pescoço comprido com a sobrevivência diferencial de girafas. As girafas que esticam seus pescoços geram uma prole que já nasce com pescoço mais comprido e, cumulativamente, através das gerações, o pescoço, em média, aumenta de tamanho.


3-“O hábito de colocar argolas no pescoço, por parte das mulheres de algumas tribos asiáticas, promove o crescimento desta estrutura, representando nestas comunidades um sinal de beleza. Desta forma temos que as crianças, filhos destas mulheres já nasceriam com pescoço maior, visto que esta é uma tradição secular.”

A afirmação acima pode ser considerada como defensora de qual teoria evolucionista:

a) Teoria de Lamarck

b) Teoria de Malthus

c) Teoria de Wallace

d) Teoria de Darwin

e) Teoria de Mendel


4-(UFC/2004) “O ambiente afeta a forma e a organização dos animais, isto é, quando o ambiente se torna muito diferente, produz ao longo do tempo modificações correspondentes na forma e organização dos animais... As cobras adotaram o hábito de se arrastar no solo e se esconder na grama; de tal maneira que seus corpos, como resultados de esforços repetidos de se alongar, adquiriram comprimento considerável...”.

O trecho citado foi transcrito da obra Filosofia Zoológica de um famoso cientista evolucionista.

Assinale a alternativa que contém, respectivamente, a ideia transmitida pelo texto e o nome do seu autor.

a) Seleção natural – Charles Darwin.

b) Herança dos caracteres adquiridos – Jean Lamarck.

c) Lei do transformismo – Jean Lamarck.

d) Seleção artificial – Charles Darwin.

e) Herança das características dominantes – Alfred Wallace.


5-Considerando diferentes hipóteses evolucionistas, analise as afirmações abaixo e as respectivas justificativas.

A – O Urso Polar é BRANCO porque vive na NEVE!

B – O Urso Polar vive na NEVE porque é BRANCO!

As afirmações A e B podem ser atribuídas, respectivamente, a:

a) Lamarck e Darwin.

b) Pasteur e Lamarck.

c) Pasteur e Darwin.

d) Darwin e Wallace.

e) Wallace e Darwin.



 


FÍSICA

QUESTÕES PARA COMPLEMENTO DE NOTA


1- EM RELAÇÃO AOS ÍMÃS, O QUE OCORRE QUANDO ESTES SÃO COLOCADOS DIANTE DE UM MATERIAL FERROMAGNÉTICO? POR QUE ISSO OCORRE?


2- COMO PODEMOS APLICAR A REGRA DA MÃO DIREITA EM UM CONDUTOR QUE ESTÁ NA HORIZONTAL? O CAMPO MAGNÉTICO SE ALTERA DE ACORDO COM A POSIÇÃO?


3- EXPLIQUE O QUE OCORRE EM UM SISTEMA FECHADO, ONDE SE ENCONTRA UM CONDUTOR RETILÍNEO E UMA BÚSSOLA POSICIONADA EM BAIXO DESSE CONDUTOR.


4- COMO PODEMOS IDENTIFICAR AS CORRENTES DE INDUÇÃO (B), EM UM CAMPO MAGNÉTICO?


5- POR QUE, EM TEMPOS REMOTOS, A ELETRICIDADE ERA ABORDADA SEPARADAMENTE DO MAGNETISMO E HOJE ELAS ESTÃO RELACIONADAS UMA COM A OUTRA?


Obs: Meus caros alunos, estes questionamentos devem ser respondidos em papel a parte e devem ser entregues até a segunda feira dia 23 de setembro.


Abraços!!!

Ednayran


 


 

 Propriedades dos Compostos de Carbono


 

Os fatores principais que determinam as propriedades físicas e químicas dos compostos orgânicos são:

 

- Polaridade

 

- Forças Intermoleculares

 

- Ponto de Ebulição

 

- Ponto de Fusão

 

- Solubilidade

 

- Densidade

 

- Viscosidade


1. Polaridade da moléculas

A polaridade de uma molécula refere-se às concentrações de cargas da nuvem eletrônica em volta da molécula. É possível uma divisão em duas classes distintas: moléculas polares e apolares.

 

Conceitos básicos para revisar

 

Molécula:  é um conjunto eletricamente neutro de dois ou mais átomos unidos por pares de elétrons que se comportam como uma única partícula.

 

 

 

 

Quando iniciou-se o estudo e formulação da teoria atômica, era dado o nome de átomo a qualquer entidade química que poderia ser considerada fundamental e indivisível. As observações no comportamento dos gases levaram ao conceito de átomo como unidade básica da matéria e relacionada ao elemento químico, desta forma, houve uma distinção da molécula como "porção fundamental de todo composto", obtida pela união de vários átomos por ligações de natureza diferente.

 

 

 

Basicamente, o átomo abriga em seu núcleo partículas elementares de carga elétrica positiva (prótons) e neutra (nêutrons), este núcleo atômico é rodeado por uma nuvem de elétrons em movimento contínuo (eletrosfera). A maioria dos elementos não são estáveis, por isso, quando dois átomos se aproximam, há uma interação das nuvens eletrônicas entre si. Esta interação se dá também com os núcleos dos respectivos átomos, isto acaba por torná-los estáveis. Os átomos se ligam e formam agregados de moléculas.

 

Molécula polar - A soma vetorial, dos vetores de polarização é diferente de zero.

Moléculas polares possuem maior concentração de carga negativa numa parte da nuvem e maior concentração positiva noutro extremo.

 

Molécula apolar - A soma vetorial, dos vetores de polarização é nula.

Nas moléculas apolares, a carga eletrônica está uniformemente distribuída, ou seja, não há concentração.

 

A concentração de cargas (em moléculas polares) ocorre quando os elementos ligantes possuem uma diferença de eletronegatividade. Esta diferença significa que um dos átomos (o de maior eletronegatividade) atrai os elétrons da nuvem com maior força, o que faz concentrar neste a maior parte das cargas negativas.

 

Toda ligação de dois átomos diferentes resulta em polarização, já que os átomos possuirão eletronegatividades diferentes.

Exemplo: HCl, CaO, NaCl.

 

Ligação de dois átomos iguais resulta em moléculas apolares.

Ex: O2, N2, Cl2.

Mas não é necessário serem dois átomos iguais para haver apolaridade, como por exemplo dos compostos alcanos.

 

A distribuição espacial dos átomos que formam uma molécula depende das propriedades químicas e do tamanho destes.

 

Quando muito eletronegativos os átomos formam ligações geralmente covalentes, pois apresentam aspecto equilibrado e simétrico.

Se houver maior afinidade sobre os elétrons compartilhados, a distribuição espacial é deformada e modificam-se os ângulos da ligação, que passa a ser polar.

No caso das substâncias iônicas, é nítida a diferença no que se refere à força de atração entre os elétrons, estes se deslocam de um átomo para outro. No caso do sal de cozinha, (cloreto de sódio - NaCl), no estado sólido, consiste de íons positivos de sódio e íons negativos de cloro. As forças elétricas existentes entre esses íons formam os seus cristais.

 

A Eletronegatividade é uma propriedade periódica que mede a tendência relativa de um átomo ou molécula em atrair elétrons, quando combinado em uma ligação química. Com sentido oposto à eletronegatividade usa-se o termo eletropositividade.

Os valores da eletronegatividade são determinados quando os átomos estão combinados. Por isso, para os gases nobres, que em condições normais são inertes, não apresentam valor de eletronegatividade.

 

A eletronegatividade de um átomo está intimamente relacionada com o seu raio atômico: Quanto menor o raio atômico, maior a atração que o núcleo do átomo exerce sobre o elétron que vai adquirir, portanto maior a sua eletronegatividade. Como conseqüência, esta propriedade tende a crescer na tabela periódica: Da esquerda para a direita e de e baixo para cima. Concluindo-se que o elemento mais eletronegativo da tabela é o flúor.

 

 

 

 

 

Modelo do Mini-Projeto

 

 

Projeto:

Biodiversidade Sertaneja

 

 

Ednayran Guedes de Morais Silva

 

 

Ano 2010



 

Sumário

 

 

 

 

1-    Justificativa ........................................................................ 03

2-    Objetivo Geral .................................................................... 04

3-    Objetivos Específicos .......................................................... 04

4-    Metodologia ....................................................................... 05

5-    Avaliação ............................................................................ 06

6-    Cronograma de Atividades ................................................. 07

7-    Considerações Finais .......................................................... 08

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

1-Justificativa:

 

 

 

   Esse projeto tem como objetivo, incentivar os alunos a valorizar e preservar o meio ambiente e a Biodiversidade nele existente, e tem a preocupação de contemplar questões relacionadas ao meio ambiente, priorizando a localização Geográfica e o Bioma característico da Região Sertaneja, uma vez que a biodiversidade de uma região é como um espelho das condições climáticas ali encontradas. Com base nesse entendimento a Escola busca uma forma dinâmica e concreta de ensinar, valorizando a diversidade local.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

2 – Objetivo Geral:

 

     Estimular o aluno a valorizar a biodiversidade presente na região sertaneja, despertando nele a curiosidade investigativa com o objetivo de fornecer-lhes subsídios para buscar e aprimorar os seus conhecimentos científicos.

 

 

 

3-      Objetivos Específicos:

 

 

  • Descrever o Bioma Caatinga com relação a seu solo e recursos hídricos;
  • Conhecer um pouco da história de criação e oficialização do Sertão Pernambucano e da Região Nordeste;
  • Conhecer a biodiversidade sertaneja;
  • Tomar conhecimento do processo da formação geológica presente na região;
  • Catalogar algumas espécies encontradas na sua localidade;
  • Conscientizar o aluno para a necessidade de preservação da fauna e da flora nativas do sertão.

 

 

 

 

 

4-      Metodologia:

 

   O Projeto Biodiversidade Sertaneja, será vivenciado pelos alunos do Ensino Médio e apresentado a toda a comunidade escolar, tendo como objetivo atrair novas propostas de trabalhos que envolvam temas e conteúdos que sejam capazes de despertar a vontade de aprender pesquisando.

   As atividades serão realizadas através de aulas passeio, oficinas, produções de slides, confecção de murais, maquetes, trilhas ecológicas e seminários.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 5 – Avaliação:

 

   Espera-se que durante a vivência das atividades, o aluno possa aprender de maneira interessante, os conteúdos abordados na disciplina de Geografia e como também a mudança de comportamento da própria comunidade escolar em relação à preservação da biodiversidade local.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

6 – Cronograma de Atividades:

 

Atividades

Maio

Junho

Julho

Agosto

Aula-passeio

x

 

 

 

Pesquisa de Campo

 

x

 

 

Seminários

 

 

x

 

Apresentação de Catálogos

 

 

x

 

Culminância do Projeto

Exposição dos Trabalhos Realizados

 

 

 

      

       x

 

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

7- Considerações Finais

 

 

 

 

Obs: Cada tópico é digitado em uma página, levando em consideração as normas da ABNT, e nas considerações finais, será feito um texto com a opinião do grupo sobre o trabalho.

 

 

Atividade de Física

 

Assunto: Corrente Elétrica e Leis de Ohm

 

OBS:Pesquisar em fontes diversas, o conteúdo em questão para resolver a atividade.

 

1- (Fuvest -SP) Medidas elétricas indicam que a superfície terrestre tem carga elétrica total negativa de, aproximadamente, 600.000 coulombs. Em tempestades, raios de cargas positivas, embora raros, podem atingir a superfície terrestre. A corrente elétrica desses raios pode atingir valores de até 300.000 A. Que fração de carga elétrica total da Terra poderia ser compensada por um raio de 300.000 A e com duração de 0,5s?

 

2- (Vunesp-) Os valores nominais de uma lâmpada incandescente, usada em uma lanterna, são 6,0 V ˜ 20 mA. Isso significa que a resitência elétrica do seu filamento é de:

a) 150 Ω, sempre com a lâmpada acesa ou apagada.

b) 300 Ω, sempre com alâmpada acesa ou apagada.

c) 300 Ω, com a lâmpada acesa e tem um valor bem maior quando apagada

d) 300 Ω com a lâmpada acesa e tem um valor bem menor quando apagada

e) 600 Ω com a lâmpada acesa e tem  um valor bem maior quando apagada.

 

3- Responda:

a) Como podemos medir a intensidade de uma corrente elétrica?

 

b) Explique o que é tensão elétrica.

 

c) O que ocorre no efeito Joule?

 

OBS: A atividade tem peso 3,0 (pontos)

 

 

 

 

 

 

Química

 

Os compostos orgânicos
 
 
 
 
A química orgânica é um ramo da química que estuda a estrutura, as propriedades, a composição, as reacções, e a síntese de compostos orgânicos.
 
Os compostos orgânicos ou compostos de carbono são aqueles que, por definição, contêm carbono, podendo conter outros elementos como o oxigénio e o hidrogénio. Muitos deles contêm azoto, halogéneos e, mais raramente, fósforo e enxofre.



 

O carbono

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O carbono (do latim carbo, carvão) é um elemento químico, representa-se por C, tem número atómico 6 (Tem 6 prótons e 6 elétrons) e é sólido à temperatura ambiente.
 
Dependendo das condições de formação pode ser encontrado na natureza em diversas formas alotrópicas, carbono amorfo e cristalino em forma de grafite ou diamante. Pertence ao grupo (ou família) 14.

É o pilar básico da química orgânica pois são conhecidos cerca de 10 milhões de compostos de carbono, estando presente em todas as formas de vida.

 



 

Hidrocarbonetos    
 

 

 

 

 

 

 
 

 

Em química, um hidrocarboneto é um composto químico constituído apenas por átomos de carbono e de hidrogénio, ligados entre si.

 

 

 

 Quando na cadeia carbonada só existem ligações covalentes simples, trata-se de um hidrocarboneto saturado, caso existam ligações covalentes duplas ou triplas, entre os átomos de carbono, trata-se de um hidrocarboneto insaturado.

 

 

 

 

 

Os hidrocarbonetos alifáticos de cadeia fechada também se chamam alicíclicos. Os de cadeia aberta tomam o nome de:
  •  Alcanos, quando os átomos de carbono estão ligados uns aos outros por ligações covalentes simples;

  •  Alcenos, quando existe pelo menos uma ligação covalente dupla entre dois átomos de carbono;

  •  Alcinos, quando existe pelo menos uma ligação covalente tripla entre dois átomos de carbono.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Física - 3º E.M.

 

Eletrização por atrito

 

 

Neste texto estudaderemos a eletrização por atrito, para entendere melhor este conteúdo você deve antes ler o texto eletrização, condutores e isolantes.
 
O processo pelo qual um corpo adquire carga elétrica é conhecido como eletrização. Quando um corpo ganha elétrons dizemos que ele foi eletrizado negativamente, pois o número de elétrons no corpo é maior que o número de prótons no mesmo. E, quando um corpo perde elétrons o número de prótons é maior que o de elétrons, então, dizemos que o corpo está positivamente eletrizado.
 
Se atritarmos um pedaço de flanela com um bastão de vidro, os dois corpos antes neutros, agora apresentam propriedades elétricas, dizemos então que os corpos foram eletrizados por atrito.
 
Na eletrização por atrito os corpos atritados ficam com cargas elétricas opostas, como por exemplo, o pedaço de flanela com cargas positivas e o bastão de vidro com cargas negativas.
 
Na eletrização temos apenas a transferência de elétrons. Eles estão girando ao redor do núcleo dos átomos e por isso, dependendo do material, têm facilidade para escoar de um corpo para outro.
 
Um bom exemplo que envolve a eletrização por atrito ocorre quando durante uma viagem em um dia muito seco, um carro fica eletrizado pelo atrito com o ar. As várias partículas de poeira, sujeira e os gases que formam o ar são atritados com a lataria do carro fazendo com que aconteça uma transferência de elétrons de um corpo para o outro. O carro fica eletrizado, pois adquire cargas elétricas ao ser atritado. Logo, ao sair do carro, um passageiro que toca a lataria pode levar um choque. Este exemplo foi ilustrado na nossa tira Vestibulário: Estudando eletrização.
 
Observe a animação abaixo:
Meus caros alunos, leiam sempre e busquem sempre outras fontes de informação!
 
Ednayran

 

Poll ID 834349 does not exist.




ONLINE
2




Partilhe este Site...



Baixe o Flash Player para executar...

Bem Vindos a nossa página virtual, usem este espaço interagindo e participando de todos os eventos da nossa escola.